terça-feira, 17 de abril de 2012

Meias/Peúgas/Soquetes

Este post foi escrito após um momento de irritação com uma parafernália de meias, pode parecer estranho mas aquelas coisas que são chamadas de meias, peúgas, soquetes, são capazes de me tirar do sério, o género masculino que habita nesta casa só usa meias azuis, cinzentas, pretas e acho que deve ter para ali umas castanhas e algumas aos losangos, e aqui a Je é que tem de dobrar as meias, aqui nasce o problema:


- Azuis escuras- existem assim uns três tipo de azul mas para mim parecem-me todas iguais.
- Cinzentas - temos também cerca de 3 tonalidades de cinzento.


Quando chega a hora de as arrumar, eu pego naquela parafernália toda e separo-as por cor, depois nova triagem, dentro da mesma cor separo por elásticos que diferem de meia para meia e recentemente fui alertada pelo dono das meias que algumas têm um L (left) e um R (right) oops!
Mais importante ainda, como sou um pouco míope, não posso esquecer de ter as lentes ou os óculos postos, senão é rambóia entre as meias.


às vezes parece que vivo com um centopeia, não sei como é que no cesto da roupa aparecem tantas meias, por outro lado devo ficar contente pois mostra que o rapaz é asseadinho. 
Não sei como arrumam as meias, mas eu faço tipo um rolo e depois dou para ali umas voltas e faço uma bola, mas este assunto cá em casa muitas vezes dá discussão é que já não é a primeira vez que ele sai de casa com meias diferentes, e muitas vezes fica uma meia sem par, juro que não sei como isto acontece, já espreitei a máquina de lavar e buracos não tem, voarem também acho pouco provável, sinceramente que não sei explicar,mas tenho-vos a dizer que já estou melhor, à cerca de um mês que bate tudo certo.
E o melhor é que a minha empregada vem cá um dia por semana, e a maior parte das vezes (quase sempre) deixa-me as meias para dobrar, como não nos encontramos, ela aproveita e faz-se de esquecida e quando chego lá vou eu dobrar as ditas e sempre a resmungar.


Já pedi ao espécimen masculino para mudar de estilo e ser mais ousado, acho que ficava a matar de fato, sapato e umas meias com o rato Mickey ou a meia branca, assim na hora de arrumar não havia que enganar, mas não o consegui convencer e continua a usar o fato com aquelas meias cinzentonas e quase sempre iguais.



14 comentários:

  1. E pôr o espécime masculino a fazer os pares e dobrar as meias enquanto passa o resto da roupa a ferro...*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso é que era, mas temos um pacto, quem trata dessas coisas aqui sou eu.

      Eliminar
  2. O problema cá em casa é a multiplicar por dois, se bem que a empregada que vem também uma tarde por semana as dobre. Mas e as que sobram e as que estão desemparelhadas sem se encontrar o respetivo par? Por mais voltas que dê já cheguei à seguinte conclusão: a minha máquina de lavar come meias! E não diz nada a ninguém, a gulosa... :)))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens mais sorte do que eu com a empregada.

      Ainda bem que não sou a única a perder meias, é que já me fazia confusão tantas perdidas.

      Eliminar
  3. Raínha, e porque não ser o ser masculino a ocupar-se das meias que são dele?

    Fala a experi~encia...

    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso era o que eu queria, mas aí era o caos total. Este já veio mal habituado da casa da mãe e a sogra não aceita devoluções ehehe!

      Eliminar
  4. eheheh! Meias brancas são o máximo. De preferência diz-lhe para comprar umas daquelas com raquetes. Ficava lindo de fato e com meias dessas.
    As meias de losangos chamam-se argyles :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As da raquete ficavam a matar, era vintage e agora está na moda tudo o que é retro, mas não o convenci.

      argyles é muito mais chique de se dizer, obrigada a partir de agora vou-me referir assim às mesmas :)

      Eliminar
  5. Padeço (ou padecemos cá em casa) do mesmo mal. Mas cá em casa não há praticamente cinzentas (quando há é a alegria para mim!!). Entre os azuis e os pretos eu que me amanhe. E muitas vezes, confesso, amanho-me mal. Juntando a isso os pêlos de Maria Mia, passo horas em volta das meias... E tb não tenho buracos cá em casa nem na máquina, mas tenho uma série delas "filhas únicas" e não sei do respectivo par.
    Mas faço tudo para o meu rapaz não andar de meias brancas eheheheheheh

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um tormento não é? parecem todas iguais, ainda bem que não sou a única a ter filhas únicas já pensava que havia uma conspiração aqui para os meus lados.

      Eliminar
  6. OBRIGADA.

    É que é tal e qual. Aqui em casa, quando ponho roupa a lavar, reparo sempre nisso. Eu tenho um par de meias e duas cuecas por dia (as do dia e as da noite). O namorado tem um/dois boxers por dia mas uma imensidão de meias. A sério, fico a pensar que ele muda de meias três vezes ao dia...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Afinal não é só aqui nesta casa, que alívio :)

      Eliminar
  7. Acho que estas do Mickey ficavam um espanto e facilitava muito a tua vidinha.

    ResponderEliminar
  8. Eu também acho, mas ele não foi na minha conversa.

    ResponderEliminar